terça-feira, 25 de maio de 2010

VAMOS FALAR DO 3D

Os dois tipos de tecnologia televisiva 3D que querem a sua atenção.
A MARAVILHA DOS ÓCULOS

3D PASSIVO:
Esta tecnologia envolve a visualização do efeito 3D através de óculos polarizados são estes óculos que acrescem o preço no bilhete do cinema para ver um filme 3D.
Neste caso são projectadas duas imagens ao mesmo tempo: uma para o olho direito outra para o olho esquerdo. Os filtros impedem o olho direito de ver a imagem dirigida ao olho esquerdo e vice-versa. O efeito 3D nos cinemas deverá continuar a utilizar a tecnologia passiva, visto que os óculos são baratos e não precisam de uma fonte de energia.
Desvantagens? O efeito 3D impressiona menos, em geral e caso mexa a cabeça vai perder a focagem correta.  Resultado: Visão turva.

3D ACTIVO
Os óculos 3D activos ( por obturador ), como os que são usados com o televisor 3D LED da Samsung ou o Full LED 3D da LG, são mais stylish.
O televisor exibe imagens alternadas para os olhos, a uma velocidade suficientemente elevada para que pensem que a imagem é constante. Enquanto isso, ecrãs LCD nas lentes dos óculos ligam-se e desligam-se em sincronia com a imagem, para que cada olho veja apenas a imagem que lhe é dirigida. Isto cria uma imagem 1080p, uma qualidade superior á do 3D passivo.
Desvantagens? Estes óculos electrónicos precisam de energia e não são baratos, cada par deverá custar cerca de 100 Euros.

RISCO DE SAÚDE?
Decorrem algumas discussões online sobre a possibilidade de a exposição prolongada ao 3D causar disforia binopolar, uma dor nos olhos causada pela incapacidade de julgar a percepção de profundidade. Não foram feitos testes científicos, mas tal como Paul Reid, da Panasonic, disse recentemente à Gizmodo "quem sentir desconforto ao ver conteúdos 3D deverá parar de o fazer".

1 comentário:

  1. Vi recentemente no ciname o filme Avatar versão 3D e fiquei com uma dor de cabeça que só eu sei...

    ResponderEliminar

Pagina Inicial

Make Money

Ocorreu um erro neste dispositivo